O AMOR É UMA GOTA D'ÁGUA NO MAR


O amor é uma gota d'água no mar
É um oceano turbulento aos gritos a se deslumbrar
É correr o mundo num sonho erguido e voltar
É ânsia de se procurar sem se encontrar

É uma onda tormentosa a se desmanchar
É levar tudo á sua frente e á sua frente nada levar
É uma clamorosíssima força quente no ar
É querer dar a costa sem acostar


É bater-se feliz nas areias e se espalhar
É enrolar-se com murmúrios até se amarrar
É num simples olhar se apaixonar


É viver de orgulho e na lealdade andar
É na inocência nunca de contente se contentar
É navegar navegar navegar navegar

António Almeida